Filmes adultos e drogas: ex-atriz testemunha: ‘Deus me libertou’


Uma ex-atriz de filmes adultos que se converteu após passar sete anos trabalhando nessa indústria compartilhou seu testemunho como parte de uma iniciativa que visa conscientizar pessoas sobre sua real “identidade”.

Brittni De La Mora recentemente se juntou a seu marido, o pastor e podcaster Richard De La Mora, e concedeu uma entrevista falando sobre como muitas vezes as pessoas não conseguem discernir a própria identidade e os danos que isso pode causar à sua consciência.

“A identidade afeta sua pureza… Eu não sabia quem eu era. Acabei entrando na indústria dos filmes adultos”, disse ela descrevendo como tentou anestesiar sua dor com drogas até encontrar fé.

“Quando Jesus me revelou quem eu era n’Ele, Ele me libertou”, acrescentou Brittni, que se casou com o pastor Richard De La Mora há seis anos, em 2016.

Em outras ocasiões, quando a ex-atriz relatou seu testemunho, seu marido pontuou que já a conheceu em um estilo de vida completamente transformado: “Quando a conheci, eu não sabia que ela trabalhava na indústria pornográfica. Eu só descobri quando ela contou seu testemunho”, disse Richard a uma emissora de TV cristã dos EUA, destacando que isso não mudou o seu olhar sobre ela.

Ao invés de abrir espaço para questionamentos, ele percebeu o quanto Deus poderia usar sua esposa para alcançar outras vidas: “Eu nunca olhei para ela como um produto do seu passado. Eu a olhei como um produto da graça de Deus. O que Deus fez na vida dela foi incrível”, disse ele.

Não por acaso, o casal trabalhou com a “XXX Church”, uma igreja que tem como foco trabalhar nas pessoas os pecados sexuais, mostrando que em Deus é possível haver libertação. Hoje os dois atuam no ministério “Love Always”.

Richard De La Mora reiterou que a pornografia é algo sério que afeta a vida de quem a consome de forma radical, não sendo algo inocente, muito menos como um conteúdo cinematográfico qualquer, mas sim fruto de um contexto espiritual:

“Com certeza há uma guerra. Pureza não é apenas não fazer sexo antes do casamento. Pureza é um estilo de vida em que temos um coração puro, uma mente pura e uma abordagem pura em todas as coisas que fazemos”.

A ex-atriz de filmes adultos finalizou seu testemunho encorajando as pessoas sobre a viabilidade de caminhar em santidade: “Com Deus todas as coisas são possíveis”, afirmou, ressaltando que para não cometer pecados sexuais o cristão precisa reconhecer seus limites e decidir não avançá-los:

“O que você precisa fazer se quiser andar em pureza — se este for o desejo do seu coração — se você quiser honrar a Deus com o seu corpo, é ter responsabilidade e definir limites básicos claros”, finalizou Brittni De La Mora.





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.