Para autora, conteúdos de “auto-ajuda” iludem e não refletem a fé cristã


A escritora cristã Lindsey Carlson publicou um artigo onde faz um importante alerta sobre a avalanche de conteúdos de “auto-ajuda” produzida nos últimos anos. Para a autora, os cristãos não devem confundir os significado da fé em Jesus com uma espécie de humanismo positivista.

“O movimento de autoajuda chama as mulheres para se refrescarem em um oásis que nada mais é do que uma miragem. Autoajuda não é encorajamento; é areia”, diz Lindsey em seu artigo.

A escritora explica que conteúdos de auto-ajuda criam uma falsa visão acerca de si mesmo, pois tratam o ser humano a partir de uma perspectiva que não reflete a sua real natureza, a qual também está sujeita a erros.

Ela diz que os cristãos, portanto, não devem ser sustentados pelo “poder do pensamento positivo”, uma vez que a frustração uma hora virá, já que a fé não foi depositada em Deus, mas sim em suas próprias capacidades.

“Quando nossa confiança é abalada, nosso coração fica rapidamente desanimado e é muito menos provável que suportemos as provações que nos são apresentadas”, explica. “O povo de Deus precisa de encorajamento que dure mais do que o próximo desafio de 30 dias.”

Auto-ajuda: mentira cultural?

Para a escritora cristã, quem trata de auto-ajuda como um mecanismo dissociado da dependência de Deus, está se iludindo. Lindsey enxerga esse tipo de conteúdo como uma tentativa humana de caminhar por conta própria.

“À medida que as filosofias mundanas em nossa cultura tentam nos convencer de que somos bons o suficiente por nós mesmos, e que a felicidade e a alegria são nossa própria responsabilidade, precisamos da verdade de Deus para nos libertar do peso dessa mentira cultural opressiva”, diz ela.

A autora conclui em seu artigo para o Gospel Coalition, dizendo que os cristãos precisam reconhecer que dependem do Espírito Santo em suas vidas para que tenham a verdadeira ajuda, em tudo, algo que vem do Pai e não de si mesmo.

“O Deus de perseverança e encorajamento oferece melhor encorajamento ao seu povo, oferecendo a si mesmo. Fixe seus olhos nas promessas de Deus e tenha coragem”, diz ela.





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.