pedreiro sem equipamento de segurança morre ao cair


A Polícia Civil investiga uma morte acidental em local de trabalho após um mestre de obras cair de um andaime na construção de um templo de uma igreja evangélica em Goiânia (GO).

O pedreiro Divino Ferreira, 54 anos, morreu na última terça-feira, 07 de junho, ao cair de um andaime na obra de um templo no bairro Setor Jaó, em Goiânia. Ele trabalhava no local como mestre de obras para a construtora que foi contratada pela igreja responsável pelo templo.

A obra vem sendo tocada por fases, e a construtora foi contratada para fazer um trabalho de escoramento da estrutura, um processo iniciado há dois meses. Testemunhas afirmaram que o mestre de obras não usava equipamentos de segurança quando caiu do andaime.

De acordo com informações da TV Anhanguera, há diferentes versões sobre a altura do local onde Ferreira estava quando caiu: o Corpo de Bombeiros informou que o homem caiu de uma altura de 8 metros, enquanto o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) apontou 3 metros.

Testemunhas do acidente que moram na vizinhança da obra afirmaram que a queda foi de 20 metros de altura, enquanto representantes da igreja alegaram que a foi de 5 metros.

O portal Metrópoles informou que a perícia técnica será feita no local, assim como no corpo da vítima, que está no Instituto Médico Legal (IML), para determinar a altura exata.

A Polícia Civil está investigando o acidente, que ocorreu por volta de 14h00 de ontem, como morte acidental em local de trabalho. A construtora responsável pela fase da obra não teve seu nome revelado, e os familiares do mestre de obras também não se manifestarem a respeito do acidente.





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.