Disciplina física dos filhos é exigida por Deus, diz pastor Heber Campos Jr


A página da Igreja Presbiteriana Parque das Nações compartilhou o trecho de um sermão do pastor Heber Campos Jr. em que o tema da disciplina física dos filhos é tratado a partir dos ensinamentos bíblicos.

No Instagram, a IPPN compartilhou um recorte do sermão com um resumo na legenda: “Não corrigir nossos filhos, não é uma ação de amor, e sim entrega-los aos próprios pecados. A palavra de Deus mostra que quem ama corrige. Faça como a Bíblia manda, não como o mundo nos influencia a agir”.

Um dos textos selecionados para a pregação temática foi Provérbios 13:24: “Quem se nega a castigar seu filho não o ama; quem o ama não hesita em discipliná-lo”.

No sermão temático, o pastor Heber Campos Jr. também usou outros textos do livro de Provérbios que complementam o texto base:

“Discipline seu filho, pois nisso há esperança; não queiras a morte dele” -Provérbios 19:18;

“A insensatez está ligada ao coração da criança, mas a vara da disciplina a livrará dela” -Provérbios 22:15;

“Não evite disciplinar a criança; se você a castigar com a vara, ela não morrerá. Castigue-a, você mesmo, com a vara, e assim a livrará da sepultura” -Provérbios 23:13,14;

“A vara da correção dá sabedoria, mas a criança entregue a si mesma envergonha a sua mãe” -Provérbios 29:15.

Na introdução, o pastor afirma que “Provérbios louva a correção, e é isso que a gente vai falar nesta mensagem”, pontuando que o texto funciona como uma espécie de coletânea de “conselhos práticos de como viver em santidade”.

Ao se aprofundar nos textos do livro do Antigo Testamento, o pastor Heber Campos destacou que é muito comum confundir a pouca idade com pureza: “Criança pode ser ingênua, significa que ela não tem experiência. Mas pura ela não é. Ah, não é. É como disse um outro autor que eu li, ele falou assim: ‘é o diabo em fraldas’”, comentou, de forma bem humorada.

“Eu preciso ajudar você cristão a entender. A repreensão e a disciplina física são bíblicas. Presta atenção ao que eu estou dizendo a vocês: a gente leu textos aqui que falam que aquele que ama disciplina seu filho. Você, mãe, tem que entender que corrigir o seu filho não é uma opção, é o seu dever”, acrescentou Campos Jr.

Colocando o ensinamento bíblico de forma antagônica à cultura secular, o pastor repreendeu mães que se opõem à disciplina dos filhos através de castigos físicos, como uma palmada, por exemplo:

“‘Ah, mas eu prefiro outra alternativa’. Você prefere mal, porque a Escritura diz pra gente a necessidade de você fazer sentir o desprazer de Deus”, enfatizou o pastor ao conceituar a exortação aos pais.

Assine o Canal





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.