Na igreja, pai e filha dizem que Deus os livrou da morte em acidente aéreo


A forma que Deus escolhe para se manifestar aos seus filhos é tão diversa que se torna impossível de quantificar, pois até em situações inesperadas como num acidente aéreo o Senhor revela os seus propósitos, usando a natureza para garantir a vida humana. Este parece ter sido o caso de Christopher White e da sua filha, Angela.

O pai e a filha e 13 anos estavam voando em um avião modelo Cessna 150, sobre o estado da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Christopher era o piloto, quando subitamente uma nevasca apareceu, prejudicando gravemente a sua visibilidade.

Apesar da experiência adquirida pelo treinamento em situações semelhantes, o acidente acabou acontecendo. O avião caiu no distrito de Bear Creek Township, colidindo em uma colina repleta de árvores e rochas.

“A próxima coisa de que me lembro é [ser] esmagado no avião, no silêncio e frio”, disse Christopher. Felizmente, o avião da família ficou preso entre as árvores do local, não chegando a colidir de frente com as rochas. Apesar disso, eles precisaram enfrentar uma temperatura de -6°C por mais de duas horas, e gravemente feridos.

O testemunho de sobrevivência de Christopher e Angela foi contado na igreja da qual são membros, a Christian Life Assembly. Eles disseram que não têm dúvidas de que Deus salvou a vida deles e que agora, mesmo com sequelas por causa do acidente, entendem que houve um propósito para o que ocorreu no ano passado.

“Deus salvou minha vida. As árvores agarraram o avião, as asas se dobraram para trás e absorveram a velocidade do avião. O nariz do avião não foi esmagado. Se isso tivesse acontecido, estaríamos fazendo um funeral”, disse o pai, que ficou com vários ossos quebrados após o acidente.

A filha, Angela, quebrou a coluna e desenvolveu escoliose. Os médicos acreditam que ela não poderá mais andar. Ainda assim, a adolescente de 13 anos também não tem dúvida de que Deus a salvou e possui planos para a sua vida.

“Jesus ouve e está ativamente envolvido quando você invoca seu nome. Há poder no nome de Jesus, não apenas para situações especiais”, disse ela, segundo informações do Christianity Daily.





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.