Pelo “avanço do conservadorismo”, pastor Anderson Silva se filia ao PL


Ele ganhou fama nas mídias sociais ao anunciar a palavra de Deus numa linguagem mais voltada para o público jovem, mas sempre abordando de forma séria e cristocêntrica temas relevantes para a Igreja. Agora, pensando no “avanço do conservadorismo”, o pastor Anderson Silva pretende ingressar, também, na carreira política.

O anúncio foi feito pelo próprio pastor através das suas redes sociais. Segundo o líder da Igreja em Movimento Vivo Por Ti, situada em Samambaia, Brasília, a sua intenção é defender pautas conservadoras alinhas ao atual governo do presidente Jair Bolsonaro.

Anderson Silva se filiou ao Partido Liberal (PL), sendo recebido pelo presidente da República juntamente com o também pastor Rafael Sampaio, da Igreja ADAN, que se filiou à legenda com o mesmo objetivo.

Além de pastor, Sampaio também é delegado da Polícia do Distrito Federal e Assessor especial da Secretaria de Governo da Presidência da República. “Colocamos nosso nome à disposição a uma pré-candidatura a deputado distrital”, disse o pastor Anderson ao comentar a filiação.

Anderson objetivou a iniciativa dizendo que ela visa “cooperar com o avanço do conservadorismo em frentes sociais e humanitárias e continuar questionando a ética pastora em tantos assuntos omitidos”, declarou o pastor.

No meio teológico, a postura doutrinária do pastor Anderson também tem chamado atenção dos internautas. Recentemente, por exemplo, ele criticou duramente as figuras de Renallida Carvalho e Leonardo Sale, ambos influenciadores que se apresentam como lideranças religiosas no meio cristão.

Renallida e Leonardo são líderes da Igreja Pentecostal Tempo de Milagres (IPTM) e vivem divulgando conteúdos ao estilo “ostentação” em suas redes sociais, incluindo a solicitação de doações via PIX.

“Duas das perguntas mais feitas em meu Instagram: ‘O que o Pastor acha dos Pastores Renalida & Leonardo Sale?’. Jamais fui contundente nas respostas, pois não conhecia a fundo e o pouco que vi de falta de Bíblia, nenhuma base teológica no que fazem, espetáculos, ostentação, vaidade e manipulação profética já me fizeram nem saber quem são”, disparou o pastor Anderson recentemente (veja aqui).





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.