‘Buscava em homens o que só poderia ter em Jesus’, diz ex-prostituta


Uma ex-prostituta, hoje regenerada pelo Deus altíssimo, resolveu abrir um pouco da sua vida para ajudar outras pessoas através do seu testemunho. Ela conquistou tanta fama como garota de programa de luxo que se tornou a mais requisitada no estado do Espírito Santo, onde atuava frequentemente.

Danielle Nazario, que antes se apresentava com o nome de “Ana Julia” no mundo da prostituição, contou que o seu ingresso nesse universo ocorreu como uma tentativa de preencher um vazio deixado após a separação dos seus pais, e não por questões financeiras, como é o caso de outras garotas.

“Criei um bloqueio muito grande no meu coração. Foi quando comecei a buscar em homens aquilo que eu só poderia encontrar em Jesus”, disse ela em uma entrevista para A Gazeta, revelando que começou a vender o seu corpo quando tinha apenas 17 anos, no Rio de Janeiro.

Danielle começou a ganhar muito dinheiro rapidamente, chegando a receber R$ 60 mil em pagamentos por mês, passando a ter uma vida de muita vaidade, luxúria e drogas. Em dado momento, porém, ela percebeu que estava mergulhando em um abismo de trevas.

“Aquilo já não era mais eu. Eu estava numa vida muito doida: prostituição, lesbianismo, alcoolismo, drogas. Tudo muito pesado. Então eu comecei a pedir ajuda a Deus. Eu disse: ‘Senhor, muda a minha vida, porque da forma que está eu vou morrer”, contou.

Ex-prostituta: “Deus foi me atraindo”

A iniciativa de Danielle Nazario em reconhecer o seu estado de morte espiritual fez toda a diferença, pois isso lhe levou a sentir o desejo de ler a Bíblia e fazer orações, mesmo quando acabava de sair de um programa com outras garotas.

“Deus foi me atraindo. Ele estava usando a minha dor para me aproximar dele. A minha dor era emocional, na alma. Eu precisava muito do Senhor”, disse ela, lembrando que após um tempo resolveu largar completamente a prostituição para seguir a Jesus Cristo.

Como parte da sua mudança, a agora ex-prostituta Danielle também quis remover as próteses de silicone em seus seios e nádegas. “Era algo que me ligava muito ao meu passado. Me incomodava fisicamente e eu ainda havia descoberto um nódulo no seio esquerdo. Então, era algo muito importante para mim”, contou.

Atualmente Danielle possui uma vida humilde, trabalha como costureira e faz evangelismo. Ela contou que outras mulheres e até antigos clientes da época de prostituição já foram impactados por seu testemunho, decidindo entregar suas vidas a Deus.

“Tem vidas que estão passando pela mesma situação que passei e olham para tudo o que Deus fez em minha vida e falam: ‘Ainda tem jeito para mim, ainda tem uma saída’. Deus tem trabalhado de uma maneira muito linda”, disse ela.





Gospel Mais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.